quarta-feira, setembro 05, 2007

MANHÃS

A noite foi serena. Plena de sonhos dos quais só me recordo de algumas rápidas cenas. A “presença” suave da noite anterior embalou-me e levou-me a adormecer em paz. Acordo muito cedo. Bem mais do que sempre foi meu hábito, mas nos últimos dias tem sido freqüente. Olho o relógio sobre o criado mudo: 6 horas e 30 minutos. Lembro-me da “presença”. Fecho os olhos novamente e recordo algumas cenas dos meus sonhos... Sinto-me feliz.
Estou perfeitamente desperta e bem disposta. Levanto-me, vou logo arrancando as roupas e meto-me embaixo do chuveiro. Sei que será mais um dia de muitas atividades pela frente e terei energia e alegria suficientes para elas se continuar a contar com o amigo que me anima, a “presença” que me ampara e me faz sentir importante.
Postar um comentário