sábado, junho 13, 2009

Maria,Porta do Céu!

foto tirada por mim - na igreja de Ituporanga SC
Quando minha irmã morreu subitamente, há alguns anos atrás, aos vinte e dois anos, fiquei perdida num mar de sentimentos desencontrados e desolação. No entanto, centenas de vezes rezei ajoelhada diante de Nossa Senhora, com seu manto azul naquelas manhãs frias da minha terra, na grande igreja que acompanhou a maior parte da minha vida. Ali, aos pés da Virgem Mãe, de quem sempre fui muito devota, tantas vezes chorei a morte de entes queridos, pedi por solução para problemas com os quais não sabia lidar e agradeci o carinho que Ela sempre me dispensou, o consolo que me chegava daqueles olhos ternos e coração imenso. Um carinho real, com aconchego de colo de mãe. Depois vieram outros problemas e outros... Mudei da minha terrinha e fiquei perdida num mundo novo. Nem sei quantas vezes chorei de saudade, de desespero, de desilusões tantas... Ainda assim, foi n’Ela que sempre procurei consolo e sempre achei. Depois de alguns anos aprendi um mantra muito simples, que até hoje uso quando tudo fica escuro à minha volta e não consigo vislumbrar um caminho. Na realidade, é uma das frases do Terço dos Anjos que tomei como mantra: “Maria, Porta do céu, passa na frente”. Repito esta frase algumas vezes e na minha mente começa a se fazer luz e vou vendo os caminhos para o que preciso se abrir à minha frente. É claro que as orações para ser atendidas, devem ser usadas para o bem, para as necessidades reais e rezadas com fé... Depois que percebo que as luzes começam a brilhar na minha mente, rezo uma Ave Maria e um Santo Anjo, já agradecendo a atenção que sei que estão a me dispensar...
Ave Maria :
Postar um comentário