domingo, junho 28, 2009

Eternas Buscas

Desde criança Te conheço e Tu me conheces além de toda eternidade.... Tão cedo eu Te procurei. Te busquei em cada momento, em cada acontecimento... Tive e tenho dificuldades de Te encontrar. Ao mesmo tempo Te sinto tão presente e tão ausente. Sei que o que procuro em Ti é muito mais do que posso encontrar em vida. Minhas orações, as vezes tão intensas, noutras, se perdem pela vida afora. Acho que nem sei rezar... Olho a natureza, o sol refletido na água, o céu azul e percebo-Te em tudo.
Convivo com o ser humano e percebo a falta da Tua face. Porque nos afastamos tanto de Ti? Porque não conseguimos Te refletir em nós, trazer Tua ternura, Teu amor dentro do peito? Porque não se desdobra o coração de cada um e derrama o doce sabor do amor que Tu nos tens? A natureza toda Te reflete em grande beleza, harmonia poder! Mas nós... Fomos feitos a Tua imagem e semelhança? Ah! Como seria fácil ser como a criança. Chegar-se a Ti, colocar nossa mão na tua e dizer:
_” Pai errei! “.
Mas o coração, a cada dia torna-se mais pedra, a cada dia acumula mais arrogância.
_ Temos força e poder!
_ O homem governa o mundo!
_Somos seres inteligentes!
Será?... Percebo que apesar da ciência, da tecnologia, da grandeza dos inventos, a cada dia sofre mais e mais este homem, gigante por fora, morrendo e secando por dentro!
E o Criador fica lá à espera de que a raça humana se levante! Ainda há tempo!
"Ele" quer segurar a tua mão. Quer te sentir criança, coração aberto, voando livre, buscando seu horizonte....
Música: SEGURA NA MÃO DE DEUS - ( CARMEM SILVA)
Postar um comentário