sábado, novembro 18, 2006

RESGATES!

Creio que cada um de nós gostaria de resgatar os cenários de sua infância e adolescência. Resgatar cada imagem, cada cheiro, cada som, cada cor... Porque no fundo da memória de cada um, há um mundo por onde ele passou. E esse mundo torna-se um lugar solitário. Um lugar onde o “eu” vaga em meio á pessoas que não se comunicam mais com ele. Em meio á cenários parados, memória fugaz! Traze-lo para a realidade! Resgata-lo com cores e sons. Regata-lo com as pessoas que nos olham de estrelas distantes. Ouvir-lhes novamente o som da fala e das risadas. Sentir de novo seu calor... Apertar-lhes as mãos. Falar dos mesmos agradáveis temas de então... Ou simplesmente sorrir-lhes e receber de volta um sorriso!
Postar um comentário