domingo, novembro 05, 2006

INSATISFAÇÃO...

Nada tem gosto... Nada é bom... Há um profundo vazio de tudo... Tudo parece ausente, dormente... Pra onde andar? O que aspirar? Devo esperar? Os sonhos estão dormindo... O desencanto tomando conta... Velhice! Velha nos sentimentos, velha nas esperanças... Ainda plantar? O que plantar? Ou já é hora de colher? Colocar o corpo em meio ao pó das estradas... Caminhar sem rumo, sem pensamento... Caminhar sem buscar, sem esperar... Só caminhar! Deixar que a paisagem se renove. Que os pés doam e peçam descanso! Deixar que a mente se encante de algo novo, inédito... Deixar que uma nova alegria invada a alma, mas que seja calma... Deixar que uma nova paixão te contagie, mas não te arrase... Descer do muro, andar no escuro... Olhar o céu estrelado... Cantar novas canções e ser aplaudido... Jogar um balde de tinta e deixar tudo colorido... Sair da mesmice, fugir da burrice. Desacomodar
Postar um comentário